Maria da Penha “Made in China”

China aprovou a primeira lei do país contra a violência doméstica, a lei proíbe todas as formas de abuso em ambos os casais, casados ​​ou apenas os que vivem juntos,mas aos casais homossexuais não será dada a mesma proteção.

De acordo com a Xinhua, a China não tinha uma lei especializada em abuso familiar antes desta semana. As referências ao assunto só foram feitos em outras leis e regulamentos, como por exemplo a Lei do Casamento, a Lei Sobre a Proteção de Menores e na Lei Sobre a Proteção dos Direitos e Interesses das Mulheres.

A os números violência doméstica são galopantes na China. Um estudo em 2013 descobriu que 50% dos homens admitiram abusar fisicamente e sexualmente de suas parceiras.

De acordo com a gerência do partido comunista, cerca de um quarto de todas as mulheres sofreram violência no casamento, embora apenas 40.000 a 50.000 reclamações são registradas a cada ano. Dos casos relatados no ano passado, quase 90% envolvem abusos de maridos contra suas esposas.

Embora este seja um grande avanço para as vítimas de violência doméstica na China, a lei ficou aquém para a comunidade gay, uma vez que não se estende aos casais do mesmo sexo.

Embora não seja ilegal, o homossexualismo é certamente um tema tabu na China. Apesar de ter sido removido da lista oficial do país de transtornos psiquiátricos em 2001, um grande número de livros didáticos ainda se referem a homossexualidade como uma condição que pode ser tratada com uma “terapia de conversão gay.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s